19 de junho de 2011

Literalmente: "Um Parto de Viagem" - A Ida.


Você já viu o filme"Um Parto de Viagem"? Onde tem um bulldog francês fofíssimo? E também onde, durante a viagem, dá tudo errado?
Então.. minha viagem foi bem parecida. Preparem-se!

um parto de viagem

 Eu já havia viajado outras 2 vezes com a Alana de avião, já sabia as regras e cuidados, mas ano passado decidi viajar (por causa do trabalho), dia 23 de dezembro!! Véspera de natal, e voltar dia primeiro de janeiro... já podem imaginar como os aeroportos  muito bem estruturados do Brasil estavam.

Antes de mais nada vamos falar aqui das regras para levar seu buldogue de avião, sugiro a TAM, por ser a única que aceita cães até 10kg (kennel+peso do cachorro) na cabine juntinho de você. 

Mas como os Buldogues tem muita musculatura, apesar de serem pequenos, normalmente, ultrapassam o limite de peso, a não ser filhotes, claro. Neste caso, eles devem ir no bagageiro (é bem estressante para o dono e para o cão), não sei como é lá, dizem que é refrigerado com iluminação, mas só vendo para crer. Sempre que levo ela fico com o coração na mão até pegá-la, e só levo se vou ficar, no mínimo, uma semana no destino. Imagina levar o cão, todo o estresse, ficar dois dias e já voltar, mais estresse. 

Bom, vamos as regras, além do peso que já falei você vai precisar para viagens nacionais:
  • Carteira de vacinação em dia, cães com mais de 90 dias é exigido a vacina da raiva, aplicada com o minimo de 30 dias antes da viagem;
  • Atestado de saude com o máximo de 10 dias de antecedência da data do embarque;
  • Já que você levará no Vet, se seu cão enjoa, peça a ele algo para dar;
  • Em relacão à sedação, CUIDE!! cães braquiocefálicos podem ter problemas graves, como depressão respiratória e até parada cardíaca, e você não estará lá com ele para ajudar, ele estará sozinho!! Triste...
  • Na Tam, há uma taxa de R$90,00 mais o peso do animal+kennel multiplicado por 0,5% da tarifa cheia, pra mim o mais caro que tive que pagar foi R$190,00 tudo. Você faz o check-in, a mulher pesa, você pega um bilhetinho e leva na loja, paga, volta e despacha (Muito TRISTE essa hora, seu buldoguinho sendo levado de você);
  • Como há muitas coisas a serem feitas, chegue, no mínimo, duas horas antes do horário do voo.
    Neste site, apesar de ser para vender a caixa de transporte, tem algumas informações legais, lá você saberá como calcular o tamanho do kennel para o seu cão, tem até uma calculadora para isso.

    Voltando à viagem, dia 23 eu estava lá, olho no painel, adivinha? Três horas de atraso, AHH... Falei com o meu marido para tentarmos, nesse caso, levar ela na cabine, até porque de jeito nenhum eu ia despachar ela tanto tempo antes sem saber se podia, inclusive, atrasar mais. Na hora do check-in pedimos, quase chorando, para ela ficar conosco, e MILAGRE!! Conseguimos! Também, com aquele atraso...

    cachorro no aeroporto


    Levei ela até uma graminha no aeroporto, mas não deu tempo de chegar, bem onde as pessoas chegam de táxi, no embarque, ela decidiu fazer o número 2! Que vergonha! E eu tava sem sacola! Olhei algumas pessoas que estavam saindo de um carro, e pedi: Vocês não teriam uma sacolinha? E apontei o dito cujo no chão, as pessoas foram legais e tiraram as coisas delas de uma sacola e me deram... UFA! Mesmo porque o segurança já estava vindo, calma moço, eu vou juntar sim! Até parece... nunca deixei de juntar, imagina no aeroporto então.

    Dei mais algumas voltinhas com ela, voltei, comprei água, coloquei num copinho plástico para ela tomar, não muita, por causa da viagem. E lá estávamos nós, eu, meu marido e a Alana, deitada, no saguão do aeroporto (claro que por questões de respeito fiquei mais na saída e não lá dentro). 

    Ela se comportou maravilhosamente bem, até que colocamos ela dentro do crate e finalmente iríamos embarcar. Que nada! mais uma fila gigante para entrar no avião, umas crianças decidiram ficar cutucando a Alana dentro da casinha (olhei feio claro! Todo aquele estresse e ainda isso?) e a mãe delas nada de chamar atenção, puxei o crate para longe delas sem falar nada, a mãe até que enfim se tocou e falou para pararem.

    Entramos! colocamos ela nos meus pés e ela decide: CHORAR!!! Na verdade era mais uma chorinho baixinho, uma reclamação. Coloquei meu pé bem pertinho dela, fiz carinho e ela foi se acalmando, dormiu a viagem toda.


    Chegando no destino e uma moça olhou para nós e falou: Foi ela que ficou chorando? Falei: Não... ela dormiu. A senhora falou que tinha outro cachorro sentado mais na frente, que chorou a viagem toda e ninguém conseguiu dormir. Graças não foi a Alana, ela reclamou um pouco antes de decolar, mas logo parou. Um anjo mesmo, ela ajudou muito com seu comportamento.

    Encontrei meus pais e meu irmão que fala: estavam falando que tinha um cachorro no voo que chorou a viagem toda! era a rabo de foguete né? (hehe... ele chama a Alana assim porque até pouco tempo atrás ela era muuuuito agitada, corria pra lá e pra cá, latia, mordiscava. Mas isso vai ser história de outro post) e eu falei: NÃÃÃOOO! dessa vez ela se comportou!

    Chegamos ao destino, mas mal sabíamos o que nos esperava na volta...

    CONTINUA...




    3 comentários:

    1. Olá, conheci seu blog hoje. Tenho um buldoguinho tb. Ele so viajou conosco de carro e agora estou sfrendo pra planejar as viagens sem avião pra pode rleva-lo. Queria saber se a Alana não se incomodou com a pressão no ouvido no avião. O meu Maquinho chorou mt no trecho da serra na estrada, com dor no ouvidinho.
      Obrigada.
      abs,

      ResponderExcluir
    2. OLá Jackie e Romulo,

      Em relacao a pressão a Alana nunca teve problemas não. O compartimento é pressurizado e ventilado. Leve num vet que ele conseguira examinar seu caozinho e lhe dar melhores orientações sobre isso.

      Abs,
      GaBI.

      ResponderExcluir
    3. Amei sua experiência ahhaah, Vou viajar para os EUA, minha bulldog tem 9kg e 1 aninho, a aviação na qual eu vou posso levar um dog com 10kg contando com a casinha, a Tam conforme você mencionou acima não está mais transportando cachorros com mais de 7kg, só se for no bagageiro. Enfim, Será que você pode me dar umas dicas, e quanto peso é essa casinha? Obrigada pela ajuda desde já :)

      ResponderExcluir

    Obrigada por participar do blog e compartilhar sua opnião!

    Ao deixar seu comentário você automaticamente autoriza sua reprodução e publicação.

    Não serão publicados:

    - Comentários que contenham ofensas ou palavrões;
    - Comentários que não tenham relação com o post em questão;
    - Comentários Anônimos;
    - Propagandas em geral.

    Leia os Termos de Uso do blog.